Coluna semanal do Mercado Imobiliário: Por Tomaz de Aquino (18/04)

Leia a coluna semanal deste sábado (18/04), Mercado Imobiliário, escrita pelo jornalita Tomaz de Aquino para o Jornal Vanguarda.

coluna18.04 vanguarda

Coluna semanal Creci-PE

Coluna Creci 17-04-2015

aciag 1 aciag 2 aciag 3Ontem mais uma palestra proferida pelo jornalista Severino Tomaz da Rota232, na sede da Aciag – Associação Comercial e Empresarial de Gravatá, debtro do tema Como Sair do Anonimato – 7 Dicas para o corretor imobiliário. Hoje a pelestra é em Caruaru n Hotel Maysa, para os corretores da Fabiano Carvalho Imóveis.

OUTRO ERRO DO LÍDER: CONTRATAR PESSOAS MEDÍOCRES

No famoso livro A arte cavalheiresca do arqueiro zen, publicado três anos após o término da II Guerra Mundial, o líder pode aprender que …”o tiro com o arco se converte numa cerimônia… esta afirmação é para enfatizar que o uso do arco e da flecha deve ser visto de forma muito mais abrangente do que um esporte.
Talvez você esteja se perguntando sobre o que isso tem de relação com a questão de que contratar pessoas medíocres é um erro do líder que o faz. Contratar pessoas para a empresa, para a equipe não deve se reduzir a um conjunto padronizado de testes e outros critérios…isso pode se cristalizar em algo metódico (o que tem suas virtudes), porém, semelhante a um atleta que aprende os fundamentos de algum esporte e depois, durante suas atuações e competições fica refém daquilo que internalizou como normas e modelos (que tem sua validade, obviamente), mas que não consegue uma performance elogiável.
Atirar com arco e flecha é muito mais do que conquistar boa mira e acertar eficazmente o centro do alvo. Tem um ritual, tem uma preparação, tem muitas sutilezas que entram como fatores que podem facilitar a arte de usar o arco e a flecha.
Contratar pessoas, assim como usar o arco e a flecha é uma arte que deve considerar múltiplos fatores.
Nos tempos em que vivemos, de diferenças gritantes entre as gerações de profissionais que chegam ao mercado de trabalho, cabe ao líder evitar o desastroso erro de contratar pessoas medíocres, mesmo que seus currículos profissionais sejam brilhantes. Todos sabemos que as contratações acontecem por competência e as demissões ocorrem por comportamento, por essa razão, é preciso contratar profissionais que estejam interessados em cultivar, desenvolver valores humanos mais elevados.
Mediocridade é situar-se na média, é ficar num nível aceitável de profissionalismo ou de relações. Não é tão ruim, porém, se o líder pensa grande e tem grandes visões para sua empresa, para sua equipe, deve selecionar pessoas melhores do que ele próprio, profissionais que já conquistaram ou que demonstram estar a caminho da humanização de si mesmos. Afinal, mesmo que o desenvolvimento tecnológico avance exponencialmente, o Planeta está carente de gente que sinta, pense e aja como seres humanos.
Líder que contrata pessoas medíocres erra porque aprisiona sua equipe no limite do mais-do-mesmo. Pessoas que fazem a diferença são aquelas que superaram o condicionamento da lei do menor esforço, daqueles que se omitem ou “fazem corpo mole” exatamente nos momentos mais desafiadores pelos quais a equipe passa…
Mais do que óbvio que surjam desconfianças em relação a estas minhas afirmações e mesmo que sejam questionadas, por exemplo, o que fazer com o grande número de profissionais que se colocam à disposição no mercado, porém, com formação humana deficiente, uma vez que há uma confusão entre educação e proliferação de cursos e certificados?
Não há nenhuma certificação para garantir que esse ou aquele profissional é humanizado, cultiva valores, preocupa-se com sustentabilidade e tem disponibilidade para lidar com as diferenças pessoais e culturais. Não há um selo que ateste tal qualidade humana dos profissionais. Então, o que fazer?
Para quem já colheu as consequências do erro de contratar pessoas medíocres, aprendeu e concorda que não quer repetir tal inconformidade; para quem ainda não teve tal experiência, mas está preocupado com que leu aqui, a sugestão é: amplie sua própria visão sobre o que é ser humano, um projeto em constante andamento, mas, se o líder supera a própria mediocridade e passa a pautar sua vida pela ampliação das formas de perceber a si mesmo e as relações que estabelece consigo, com as pessoas, com o Planeta e com a Vida em sua diversidade, saberá, responsavelmente, que sua equipe não precisa nem um pouco de pessoas medíocres, por isso não as contrata.
Este é o desafio que entrego ao Líder, hoje.

 

aluisio alvesPor Aluísio Alves: Treinador de Líderes e Equipes. Palestrante. Educador, Psicanalista e Escritor. Doutor em Educação. MBA em Gestão Empresarial e Administração Hospitalar. Gerente e Diretor do HC Uberlândia (2001-2010).aluisioalves17@gmail.com (34) 8419 0227 (Triângulo Mineiro) e (35) 9148 1762 (Sul de Minas) www.yashimek.com.br -*Associado à Yashimek – Coaching, Palestras & Cursos – Atendimentos em todo o Brasil.

DEPUTADO IZALCI LUCAS ASSUME A PRESIDÊNCIA DA FRENTE PARLAMENTAR MISTA DO MERCADO IMOBILIÁRIO

– A convite do Sistema Cofeci-Creci, o deputado Izalci Lucas (PSBD-DF) assumiu a presidência da Frente Parlamentar Mista do Mercado Imobiliário. O grupo, que reúne deputados e senadores, resulta de uma articulação que fizemos no Congresso Nacional, para mobilizar parlamentares em prol do nosso segmento. A Frente Parlamentar já tem a adesão de 183 congressistas, sendo 156 deputados federais e 27 senadores. Os principais objetivos desse qualificado grupo de trabalho é apresentar e acompanhar projetos referentes ao segmento de imóveis, além de propor discussões de interesse da sociedade e do setor com os outros poderes constituídos. A previsão é que mensalmente o grupo se reúna para interlocução com nossa categoria profissional e o nosso setor de atividade.

Fonte Cofeci

Quer ser um campeão de vendas? Saia do Anonimato

palestra blogQuinta feira 16.04, as 19 horas, na sede da Associação Comercial e Empresarial de Gravatá – ACIAG, o jornalista Tomaz da Rota232, corretor de imóveis de imóveis e perito avaliador, estará proferindo a palestra “Como sair do Anonimato – 7 Dicas para o corretor. Apesar de ser destinada aos corretores de imóveis, o tema serve para todos aqueles que trabalham com vendas, que lidam com o ser humano e que querem melhorar a sua performance no mercado.

Portanto se você trabalha com vendas não deixe de assistir a essa palestra do Tomaz da Rota 232 que já foi feita em várias cidades do estado e agora chega a vez de Gravatá também ser contemplada com essas DICAS.

A entrada é franca e você não pode perder esta oportunidade de reciclar seus conhecimentos, trocar experiências e desenvolver seus talentos.

Festa bonita da União das Mulheres Batistas da Mata Centro na PIB Gravatá

coral pib mca jane pib mca leonardo pib mca mulheres pib mcaMCA – Mulheres Cristãs em Ação é o nome do grupo de mulheres das igrejas Batistas de Pernambuco que se reúnem regularmente para discutirem a programação de suas atividades durante o mês.

Cada reunião acontece numa das cidades que compõem os grupos Mata Norte, Mata Centro, Mata Sul, etc. Dessa vez a reunião foi do grupo Mata centro que Comporta as cidades de Moreno, Pombos, Vitória, Gravatá, Chã Grande e Bezerros e aconteceu na 1ª Igreja Batista de Gravatá (PIB) sob a coordenação de Edjane Mendonça presidente da MCA da 1ª PIB.

Mais de duzentas mulheres compareceram ao evento que ocorreu na segunda feira, numa tarde bonita de depoimentos, testemunhos, proposições, muito trabalho e muitas orações.

Para Jane como é chamada Edjane Mendonça pelas suas colegas, apesar de ser uma reunião, um encontro de rotina o importante é que as mulheres batistas estão unidas e dispostas a trabalhar para o bem de suas comunidades saindo de dentro de seus templos e buscando alcançar e salvar vidas para o engrandecimento do Reino de Deus.

Posse do Conselho de pastores de Gravatá

posse cons pastTomou posse ontem à noite, na Câmara Municipal da Cidade, numa cerimônia muito bonita o Conselho de Pastores da Cidade de Gravatá que tem como objetivo lutar para a união das denominações evangélicas a fim de criarem eventos em conjunto para levar a Palavra de Deus a todos os gravataenses.

A chapa para o biênio 2015/2017 ficou assim constituída: presidente – pastor Francisco Wanderlei da Igreja Assembléia de Deus Bom Retiro; 1º vice presidente – pastor Jefferson Alexandre, da Igreja Sara Nossa Terra; 2º vice-presidente pastor Davi Castro da Igreja Internacional da Graça de Deus; secretário – pastor Genivaldo Junior da Igreja Batista Redentor, 1º Tesoureiro – pastor Renan Carneiro da Igreja Batista Renovada em Gravatá e 2º Tesoureiro – pastor Leonardo Cavalcanti da Primeira Igreja Batista de Gravatá.

Vários pastores de outras cidades compareceram ao evento como Yury Henrique da Igreja Parque das Assembléias; Mário Araújo presidente do Conselho de Pastores de Amaraji, Reginaldo Nascimento presidente da OPTEP – Ordem dos Pastores e Teólogos de Pernambuco, José matos da Frente Evangélica Nacional, Francisco de Lima – Igreja Mundial de Jesus Cristo, Josias Henrique da Igreja Pentescostal Doutrinária Cristo é a Resposta e muitos outros.

Ausências do prefeito da cidade que mandou um representante e do presidente da câmara que não mandou ninguém, além dos vereadores que compõem a casa Vereador Elias Torres. Após as rotinas de praxe o Conselho de Pastores de Gravatá foi empossado e a partir de agora inicia a sua gestão.

No próximo dia 04 de maio acontece a primeira reunião do Conselho de Pastores na Igreja Ministerial Parque das Assembléias, na rua Lamartine Farias de Castro que tem a sua inauguração prevista para o sábado dia 02 de maio.

posse cons past2

O caráter do homem público

Eliezer Andrade

Eliezer Andrade

O 36º presidente dos Estados Unidos, Lyndon Johnson, deixou uma frase bem interessante: “Há um idiota no poder, mas os que o elegeram estão bem representados”. 

Não é a personalidade, mas o caráter o elemento transformador da consciência humana que produz no homem coragem moral para se firmar na verdade e lhe dotar de atitude realista para com a vida, mesmo que isto o torne impopular. É pura ignorância inventar culpa em hereditariedade cultural da colonização, por algo que contamina boa parte de uma nação que resulta em covardia moral manifestada no homem tornando-o fraco e debilitado para a vida pública.   Transformar os eleitores e o povo em geral em massa de manobra convencendo-os de que estão exercendo o poder político e se tornando seguidores de homens sem escrúpulos, nada tem com hereditariedade colonial.   Ao contrário, os políticos plantam suas ideologias e se tornam responsáveis pela situação da pobreza que eles mesmos criam e se fortalecem. Alguns políticos ou todos trabalham para deixar as pessoas mais endividadas, fazendo-as acreditar em discursos falazes que estão criando poder e status.

Mesmo sabendo que corrompem o caráter nacional, fingem ouvir as aspirações da população proferindo discursos bajuladores.   Não contentes em bajular ricos e banqueiros, voltam-se cinicamente para os pobres menosprezando sempre a dignidade humana, contanto que acobertem seus desvios de comportamento e vençam o medo de perder o poder.  Para a formação político-administrativa do Estado, a população paga rigorosamente os seus tributos e fica na espera confiante de que o governo cumpra com eficiência o seu papel de administrador publico.   Infelizmente, o povo tem demorado a entender o maldoso processo político nacional para chegar a promover movimentos legítimos que muitas vezes se transformam em ira e maldade em defesa de uma sociedade mais justa.   Escrevendo sobre a Ira dos bons, Rui Barbosa certa vez declarou:  “Nem toda a ira, pois, é maldade;  porque a ira, se, as mais das vezes, rebenta agressiva e daninha, muitas outras, oportuna e necessária, constitui o específico (medicamento) da cura”.

  Esta forma de irar-se contra desmandos que verberam os escândalos, não significa ódio que explode, mas indignação contra injustiças que se debatem nos quatro cantos do país e que cria o imoral, o corrupto, o prevaricador, o concussionário e o ladrão público que precisam ser banidos da sociedade.  A nação brasileira tantas vezes ferida e transpassada tantas vezes, apela através de movimentos pacíficos para o bom senso dos políticos que ainda controlam o poder e vivem desfrutando lautamente da fartura que lhe faculta a oportunidade e a lei.

Por Eliezer Andrade

Advogado imobiliarista: Por que contratar?

Comprar um imóvel é o grande sonho da maior parte da população, porém pode tornar-se um pesadelo se o negócio não for feito corretamente.

 

advogados-direito-imobiliario-700x294

Uma transação imobiliária está longe de ser algo simples, é um procedimento que está sempre vulnerável a diversas falhas que prejudicam e atrasam a negociação. E quase como um gênio da lâmpada, eis que surge o advogado imobiliário, um especialista no assunto que irá orientá-lo dos melhores procedimentos a se fazer para obter êxito em adquirir ou vender o seu imóvel.

O papel desse profissional é analisar os riscos, avaliar contratos, prever possíveis problemas e solucioná-los de forma legal e segura, ou seja, o que de início pode parecer uma despesa a mais, é na verdade uma precaução e a certeza de que seu negócio está em boas mãos.

Vale ressaltar que não é preciso contratar apenas um advogado, mas sim um advogado especialista na área, visto que é um ramo do direito bem detalhado que demanda muito conhecimento e experiência.

Os advogados imobiliários atuam de maneira autônoma em escritórios ou empresas do setor, como o advogado Heverton Lopes, especialista em direito imobiliário que atende em Gravatá e Caruaru. Heverton destaca os efeitos colaterais para quem não está sendo orientado por um profissional especializado na área “ Os problemas da seara imobiliarista possui infinitas soluções, inclusive administrativas, existem imóveis por exemplo que podem ser regularizados com algumas diligencias em cartório e prefeitura, enquanto outros dependem de ações judiciais, e se não tiver um especialista contratado quando dá um problema desses, resulta em não ter a sua solução pretendida.”

Uma observação importante a se fazer é que o advogado imobiliarista não exerce o papel do corretor, eles trabalham juntos para oferecer melhores e mais seguras transações. Se você está pensando em comprar ou vender um imóvel, não pense duas vezes ao entregar o seu sonhos nas mãos de quem entende.